INTRODUÇÃO
O radar de penetração no solo (GPR) é um método de ensaio não destrutivo que gera um sinal eletromagnético que penetra no subsolo e mede a amplitude do sinal e o tempo que este demora a regressar. Os dados de GPR proporcionam imagens transversais de alta resolução do material explorado. Através de antenas de diferentes frequências, é possível obter diferentes níveis de resolução e de profundidade do estudo. Os dados são muito versáteis e podem ser aplicados a inúmeras disciplinas.

1

2

pt

3

DIRIGIDO A
O GPR é um método geofísico versátil. Pode ser utilizado no âmbito geotécnico, para a inspeção e a análise de betão, assim como em projetos de outros campos, por exemplo, ambientais, arqueológicos e de transporte.
 
É utilizado durante todo o ciclo de vida de um projeto, desde a conceção até à manutenção e à exploração. O GPR é frequentemente utilizado durante a fase de conceção de projetos de construção, com o objetivo de estudar as propriedades geológicas do terreno ou identificar a localização de serviços enterrados e anomalias subterrâneas. Também é habitualmente utilizado durante a fase de construção e posteriormente a esta, para verificar a espessura do betão ou para localizar varões de aço de armaduras ou condutas de serviços enterrados.
 
O GPR pode ser utilizado para recolher os seguintes tipos de dados:
 
Geotécnicos
  • Localização de varões de aço de armadura/cabos de pós-tensão
  • Localização de serviços e condutas enterrados
  • Espessura de lajes/placas de cobertura de betão
  • Integridade do betão/identificação de zonas ocas
Ambientais
  • Avaliação de terrenos
  • Localização de depósitos e tanques de armazenamento subterrâneos
  • Traçado de limites de aterros e fossas
  • Investigações arqueológicas e forenses
  • Cartografia de colunas de vapor poluente
  • Cartografia de aquíferos
Transporte
  • Espessura do asfalto
  • Avaliação de camadas de base e deteção de zonas ocas
  • Avaliação do estado de pontes
  • Espessura da placa de cobertura e do tabuleiro de betão de pontes
A NOSSA SOLUÇÃO
As equipas de serviços geofísicos da Applus+ RTD utilizam a instrumentação GPR, as técnicas de processamento e o software de visualização em 3D mais avançados para avaliar terrenos e proporcionar respostas completas às dúvidas dos seus clientes. Para a prestação dos nossos serviços de GPR, dispomos de um quadro de geofísicos altamente qualificados e experientes.
 
A Applus+ RTD colabora com os seus clientes para compreender as suas necessidades e fornecer dados que deem resposta às suas dúvidas. Temos também a vantagem de poder recorrer a outras metodologias geofísicas, no caso de o GPR não se revelar a tecnologia mais adequada. Seja qual for a situação, disponibilizamos aos nossos clientes uma solução completa e de grande qualidade.
 
As nossas equipas podem responder com celeridade, independentemente do local em que o cliente se encontre. Apresentamos todos os dados recolhidos através do GPR num mapa georreferenciado, para mostrar a cobertura dos dados. A Applus+ RTD pode também criar volumes em 3D, nos quais mostra conjuntos complexos de dados, o que permite ao utilizador consultá-los com grande rapidez, assim como realizar cortes transversais do volume de dados.
VANTAGENS E BENEFÍCIOS
Entre as vantagens de trabalhar com a Applus+ numa solução GPR, encontram-se as seguintes:
  • Alto nível de qualidade: os nossos especialistas geofísicos prestam os melhores serviços de recolha e interpretação de dados
  • Rentabilidade: selecionamos os parâmetros ótimos para recolher os melhores dados à primeira tentativa
  • Relatórios profissionais: neles descreve-se a tecnologia utilizada e explicam-se em detalhe os resultados e interpretações
  • Tecnologia não destrutiva
  • Resultados rápidos: a maior parte dos resultados é obtida em tempo real, o que permite avaliar imediatamente os dados do estudo