Applus+: Igualdade, diversidade e inclusão

12/05/2022

    Para a Applus+, o capital humano é o ativo mais importante, ele quem vai garantir o sucesso e a reputação de um negócio, respondendo às necessidades dos clientes e manter o prestígio da excelência nos serviços prestados.

    É importante destacar que dentro da Empresa se promove uma cultura focada nas pessoas, fomentando um ambiente de trabalho diversificado e inclusivo que potencializa o sucesso e o desenvolvimento de cada um dos colaboradores.

    A Applus+ também assumiu um compromisso firme em prol da igualdade de direitos e oportunidades entre mulheres e homens, compromisso que se materializa há anos no desenvolvimento de medidas, através de políticas e procedimentos nos Planos e Políticas de Igualdade de Recursos Humanos de todos os países em que atua, e em aderência aos 7 princípios WEPs, os Princípios de Igualdade de Gênero e Empoderamento das Mulheres da ONU.

    Além do exposto, é importante mencionar que o Fundo Monetário Internacional - FMI indicou que ter uma mulher na alta administração ou no conselho de administração de uma empresa -sem alterar o tamanho desse órgão- aumenta entre 8 e 13 pontos básicos o retorno sobre os ativos.

    Nesta ocasião queremos destacar as carreiras de mulheres que são grandes colaboradoras da Applus+, que trabalham todos os dias para dar os melhores resultados nas diferentes áreas operacionais da empresa. E neste caso queremos apresentar as opiniões de três mulheres que se destacam por seu trabalho e dedicação na América Latina.

    Astrid Rocio Albarracin Lopez, Gerente do Departamento de Gerenciamento Integral de Projetos da Applus+ na Colômbia. Astrid é Engenheira Civil, Mestre em Administração e Gestão de Empresas, com mais de 13 anos de experiência no setor de Óleo & Gás em diversos projetos de Supervisão, suporte profissional, fornecedor e inspeção de linha como aliados do Grupo Ecopetrol S.A. e das principais empresas do o setor. Também em auditoria, QA/QC, manutenção e inspeção para empresas de distribuição de gás na Colômbia. KAM para Vanti na Colômbia.

    Se você pudesse promover uma iniciativa para aumentar o número de mulheres em cargos de chefia, qual seria?

    A iniciativa deve partir da igualdade real na concepção e vivência dos valores corporativos; É essencial o princípio da equidade, que refletirá igualdade de oportunidades, formação, comunicação, desenvolvimento e remuneração sem estereótipos. Tendo em conta o exposto, para promover o número de mulheres em cargos de gestão, é necessário avaliar a situação atual da empresa e assim poder estabelecer uma percentagem objetiva de Quadros Femininos que se pretende atingir progressivamente.

     

     

    O caminho para cargos de responsabilidade às vezes pode ser complexo. Teve boas oportunidades?

    Sim, tive oportunidades muito boas e interessantes que geraram inicialmente preocupações, medos e gratidão, mas quando decidi aceitá-las e aproveitá-las, tornaram-se desafios, satisfação e felicidade.

    Por outro lado, outra de nossas colaboradoras, Paola Moreno, Gerente de Gestão de Ativos, Divisão de Serviços Mecânicos na Colômbia. Paola é Engenheira Mecânica com Mestrado em Gestão de Projetos e Especialização em Transformação Digital, com 20 anos de experiência liderando equipes de trabalho operacional para as áreas de Inspeção, Monitoramento e Integridade para diversos setores da indústria. Destaca-se pela liderança, comprometimento com a empresa e trabalho em equipe focado no cumprimento de objetivos.

    Você acha que hoje as empresas da América Latina estão conseguindo fazer a mudança?

    Totalmente. Percorremos um longo caminho, hoje as mulheres têm grandes oportunidades e isso se reflete nas mulheres em todos os setores: 1. Políticos como Xiomara Castro, presidente de Honduras. 2. Produtivas como Marcela Vaca, presidente do Geopark na Colômbia. 3. Liderança Esportiva: Paola Salazar, presidente da Seleção Águila Doradas de Río Negro. Muitos setores eram normalmente liderados por homens e hoje há mulheres que alcançaram os cargos mais altos. E embora não seja a velocidade com que gostaríamos, a participação das mulheres é constante e contínua.

    Qual é a política ou iniciativa que deve ser promovida para garantir a chegada de mulheres a altos cargos?

    A Política deve definir um percentual de participação feminina em todas as áreas da empresa, definir o crescimento ao longo do tempo e apoiar de acordo com cada cargo, com foco no crescimento da organização.

     

    Por fim, queremos destacar Esther Diaz Zarate, que é Gerente Administrativa e Financeira da Applus+ no Peru desde dezembro de 2018. Anteriormente, trabalhou em outras multinacionais de diferentes setores. Esther é profissional em Ciências Contábeis e Econômicas e possui diploma em Planejamento Tributário e Especialização em Custos. Possui vasta experiência na liderança e gestão das equipes de Contabilidade, Finanças, Compras, TI, Fiscal e Auditoria.

     

    Você desenvolveu uma carreira em um mundo masculino, como tem sido complexo?

    Desenvolver uma carreira quando o ambiente o discrimina é complicado. Quando as leis são dadas pensando apenas no gênero masculino, sem realmente considerar a natureza da mulher. Um exemplo foi a criação de centros de lactação no local de trabalho, há 12 a 15 anos atrás, algumas mulheres até deixaram suas carreiras porque não tinham facilidade para essa atividade natural de todas as mulheres, e pior ainda,  situação era social e culturalmente aceito. Não foi fácil, mas não parei de trabalhar e pelo contrário fui necessário para o desenvolvimento da gestão empresarial.

    Você diria que o desenvolvimento de sua carreira foi fácil ou difícil?

    Em geral, nada que vem fácil dura muito, você sempre tem que trabalhar, ser competitivo, estar à altura da ocasião. Saber trabalhar em equipe, respeitando e garantindo que as ideias de todos sejam respeitadas, o que é benéfico para melhorar a tomada de decisões.

    Applus+ uses first-party and third-party cookies for analytical purposes and to show you personalized advertising based on a profile drawn up based on your browsing habits (eg. visited websites). Click HERE for more information. You can accept all cookies by pressing the "Accept" button or configure or reject their use by clicking here.

    Cookie settings panel